DESTAQUES

Não tenho o amor dos meus pais e nem posso contar com eles. O que faço?

Blenda de Oliveira 10/08/2017 PSICOLOGIA
Não tenho o amor dos meus pais e nem posso contar com eles. O que faço?
Fonte: imagem Pixabay
Há sempre possibilidade de seguir caminhos diferentes daqueles que nossos pais trilharam

por Blenda de Oliveira

Depoimento de uma leitora  

“Oi, sou uma pessoa que nunca tive amor da minha mãe e nem do meu pai. Meu pai está preso e minha mãe, tudo que acontece na vida dela, ela desconta em mim. Quando ela está com raiva de mim ela me xinga de preta do cabelo duro. Me dê uma resposta por favor, não tenho ninguém que olhe por mim. Beijos e obrigada desde já.”

Resposta: Infelizmente, não escolhemos os pais e a família que nascemos, mas há sempre possibilidade de seguir caminhos diferentes daqueles que nossos pais trilharam.

Para que você saia dessa situação e comece a construir outra forma de viver, precisa de ajuda. Seja um grupo, uma psicoterapia ou mesmo alguém que enxergue você como uma pessoa inteira com talentos e possibilidades.

Quando encontramos boas pessoas que possam servir de alavanca e que não se aproveitam das nossas fragilidades, vamos aprendendo a nos cuidar. Você precisa aprender a cuidar de você, independente dos pais que teve. Seu maior patrimônio e saída é você.

É uma tarefa simples? Não, definitivamente, não. Contudo, é preciso ter força para não ocupar o lugar daquele tipo de pessoa sem qualquer chance.

Parece que já iniciou sua tentativa. Escreveu para este site, buscando uma sugestão e ajuda, mesmo sendo ainda tão pequena diante de tantas necessidades.

Veja se perto da onde mora há grupos de encontro em igrejas ou clínicas psicológicas. São lugares que pode iniciar a criação de uma rede social. Não sei sua idade e qual a sua ocupação, mas oferecer seus talentos, habilidades num trabalho também é uma via para sair de um lugar solitário para uma interação produtiva.

Não desista, mas comece a agir o mais rápido.

Sua mãe, provavelmente, teve uma vida pior ou parecida com a sua e, com certeza, não teve a menor chance de fazer reparos e mudanças.

Ela não irá mudar. Você pode mudar.

Boa sorte!

Atenção!
Este texto não substitui uma consulta ou acompanhamento de uma psicóloga e não se caracteriza como sendo um atendimento.

Vya Estelar Responde

Vya Estelar quer colocar você, querido leitor, mais perto ainda de nós. Esse profissional irá responder dúvidas enviadas pelos internautas sobre um determinado tema. A psicóloga e psicanalista Blenda de Oliveira responderá dúvidas e perguntas sobre conflitos familiares e entre pais e filhos. Os e-mails serão selecionados e editados de acordo com critério editorial do Vya Estelar, já que não será possível responder a todos. Seu nome e e-mail serão preservados.

ENVIAR PERGUNTA



TAGS :

    não, posso, contar, com. meus, pais, amor

Blenda de Oliveira

Doutora em psicologia clínica pela PUC-SP. Psicanalista pela Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo (SBPSP). Psicoterapeuta de adultos, adolescentes, crianças, famílias e casais. Atuante como Life Coaching em diversas áreas, utilizando essa metodologia para colaborar nos processos de sucessão familiar nas empresas.



ENQUETE

De qual problema você gostaria de se livrar em 2018?








VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2017
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.