DESTAQUES

Meus filhos e meu namorado não se entendem. O que faço?

Blenda de Oliveira 01/01/2016 PSICOLOGIA
Você não precisa estar dividida ...

por Blenda de Oliveira

"Sou separada há 10 anos. Estou namorando um rapaz há dois anos e tenho dois filhos uma menina de 17 e um menino de 18. Eles não se entendem com o meu namorado e o meu namorado disse que não vai mais frequentar minha casa. Estou dividida, pois quero viver em harmonia com as pessoas que amo"

Resposta: Essa é uma situação bem frequente e, às vezes, de difícil contorno.

Quatro passos para sair dessa situação:

Primeiro

Precisa entender as razões pelas quais seus filhos não aceitam seu namorado. A partir daí julgue se são razões justas e se depende também de seu namorado fazer algumas mudanças.

Segundo

Converse com seu namorado e veja se ele não está entrando num jogo de adolescentes e talvez precise se posicionar como adulto, entendendo as razões deles, mas, ao mesmo tempo, deixando claro que eles não precisam amá-lo, apenas respeitá-lo e que vocês realmente se gostam e escolheram ficar juntos; mas isso precisa ter um forte sentido e ser para valer! Pois caso haja dúvidas sobre investir nesse relacionamento, reflita se vale a pena enfrentar uma grande batalha. Esqueça que a harmonia não virá naturalmente, precisará ser construída e isso exige paciência. Seu namorado precisará ajudá-la respeitando esse limite dessa relação entre mãe e filhos.

Terceiro

Você precisa decidir e tomar uma posição com os dois lados. Com os filhos deixe claro que você tem total direito de refazer sua vida e é responsável pelas suas escolhas; que eles não precisam concordar, mas respeitar sua decisão.

Quarto

Com seu namorado também se posicione e mostre que quando a conheceu sabia que tinha dois filhos e saber lidar com eles é fundamental para que a relação continue; agir como um adolescente não vai ajudar muito. É como se houvesse dois times, seus filhos de um lado e ele de outro, fazendo cabo de guerra e você no meio, parece que a menos considerada nisso tudo.

Você não precisa estar dividida, pois os amores e o tipo de relação que tem com os filhos é uma e a que tem com seu namorado é outra. Uma não deveria competir com a outra.

Boa sorte!

Vya Estelar Responde

Vya Estelar quer colocar você, querido leitor, mais perto ainda de nós. Esse profissional irá responder dúvidas enviadas pelos internautas sobre um determinado tema. A psicóloga e psicanalista Blenda de Oliveira responderá dúvidas e perguntas sobre conflitos familiares e entre pais e filhos. Os e-mails serão selecionados e editados de acordo com critério editorial do Vya Estelar, já que não será possível responder a todos. Seu nome e e-mail serão preservados.

ENVIAR PERGUNTA



Blenda de Oliveira

Doutora em psicologia clínica pela PUC-SP. Psicanalista pela Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo (SBPSP). Psicoterapeuta de adultos, adolescentes, crianças, famílias e casais. Atuante como Life Coaching em diversas áreas, utilizando essa metodologia para colaborar nos processos de sucessão familiar nas empresas.



ENQUETE

Atração física não basta, tem que haver atração mental. Você concorda?





VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2018
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.