DESTAQUES

Sempre sou alvo de críticas. O que faço?

Rosemeire Zago 01/01/2016 PSICOLOGIA
Ficar no momento presente ajuda a baixar nível de ansiedade

por Rosemeire Zago

"Vim de um psiquiatra e ele me disse que tenho TAG (transtorno de ansiedade generalizada) e me encaminhou para fazer psicoterapia. Infelizmente, não tenho dinheiro para pagar as sessões. Já perdi muitas pessoas boas e próximas por causa disso. No meu trabalho ninguém me pergunta mas nada, pois só dou patada. Penso no que fiz tarde demais, depois me arrependo e acabo me isolando. Os meus relacionamentos são conturbados, me envolvo muito com homem casado."

Resposta: Você coloca três situações: a ansiedade, sua dificuldade em se relacionar, e seu relacionamento afetivo com homens casados. É preciso buscar a origem de suas atitudes e por isso o mais indicado mesmo é a psicoterapia como o psiquiatra indicou.

Segundo a Associação Americana de Psiquiatria a ansiedade se caracteriza por uma preocupação excessiva com situações triviais do dia-a-dia, causando muitos transtornos. É um estado afetivo caracterizado por um sentimento de insegurança; é um desejo ardente, uma aflição, uma incerteza quanto ao amanhã. Nega o presente, o que tem agora.

Apesar de ser uma resposta normal ao perigo físico - e pode ser uma ferramenta útil para concentrar a mente quando há o fim de um prazo se aproxima - a ansiedade se torna um problema quando ela persiste muito além da ameaça imediata e passa a ser um traço da personalidade, onde tudo gera ansiedade.

Quando os sintomas como: preocupação descontrolada, inquietação, irritabilidade, apreensão, tensão muscular e problemas de concentração se tornam persistentes, afetando os hábitos e padrão de vida comum é chamado de Transtorno de Ansiedade Generalizada – TAG, diagnóstico dado pelo seu psiquiatra.

A psicoterapia pode ajudar sim, mas você também pode exercitar ficar mais no momento presente.

Como?

Lembrando-se de estar no momento presente, valorizando e aprendendo com tudo que lhe acontece. Exercite a gratidão. Cada vez que fica no momento seguinte você acaba por não aproveitar aquilo que está acontecendo agora. Quando estiver fazendo algo e seus pensamentos a levarem para o daqui a pouco ou o amanhã, pense: “devo ficar aqui e agora, este é o momento que estou vivendo”.

Exercite isso sempre que sentir necessidade, e você perceberá que consegue.

Você cita também que ninguém mais te pergunta nada porque você só dá “patada”, depois pensa no que fez, se arrepende e se isola, o que acaba por se tornar um círculo vicioso. É preciso identificar os motivos que te fazem agir dessa maneira. Quais são seus sentimentos nesses momentos? O que te faz agir desse modo com outras pessoas? Já pensou como se sentiria se a tratassem do modo que você as trata? Pense sobre isso.

Como ninguém muda de uma hora para outra, procure observar mais, ouvir mais, e só fale depois de pensar na resposta que quer dar. Muitas vezes quando machucamos outras pessoas acontece o efeito bumerangue, nós machucamos na mesma proporção.

Outro fato que você cita é se envolver com homens casados. Será que sua ansiedade também está influenciando em suas escolhas? Você vai se envolvendo sem saber com quem, por que, etc?

O que há em comum nessas três situações?

A pessoa ansiosa geralmente é impulsiva, não espera nada, quer as coisas para ontem, seja um relacionamento ou um trabalho a ser realizado. Parece que você faz e fala sem pensar, próprio de quem é impulsivo e que é uma das características da ansiedade, mas é preciso analisar mais profundamente para um entendimento maior e posterior mudança de atitudes.

Terapia de escrever

Como no momento você não tem condições de fazer psicoterapia, comece observando o que faz e fala, e se possível anote todas as situações que lhe tragam algum conflito. Depois de algum tempo fazendo suas anotações, leia e analise todas. Só podemos mudar aquilo que conseguimos identificar. Evite agir por impulso, respire antes de qualquer atitude que precise tomar, pare, pense.

Tenha como referência a natureza, tudo nela precisa de um tempo, uma semente só se torna um fruto depois de algum tempo. Assim somos nós, ninguém consegue mudar de um dia para outro, mas você já conseguiu o mais importante: querer mudar.

Pense sobre tudo isso, responda as perguntas acima e mude um pouco a cada dia, no final de algum tempo você perceberá grandes mudanças. E se quiser lembre-se sempre da Oração da Serenidade adotada pelos Alcoólicos Anônimos no mundo inteiro:

“Que Deus me dê serenidade para aceitar as coisas que não posso mudar,
coragem para mudar as que posso e sabedoria para distinguir umas das outras”

Só por hoje!!!




Rosemeire Zago

Psicóloga com abordagem junguiana com especialização em psicossomática. Desenvolve uma abordagem voltada para o autoconhecimento e criança interior.



ENQUETE

De qual problema você gostaria de se livrar em 2018?








VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2017
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.