imagem de capa

Autoconhecimento

Minhas Atitudes

Raiva pode estar oculta em nós e nem notamos

Para lidar com a raiva é preciso reconhecer o que não está certo em nós e em nossos atos

por Emilce Shrividya

Raiva, apego, ciúme, arrogância são emoções negativas que sabem se esconder dentro de nós. Podemos não estar sentindo raiva, mas isso não quer dizer que não a temos. Pode estar escondida em forma de irritação, reclamações constantes, impaciência e estresse.

É diferente sentir nervosismo ou raiva. Se a pessoa está nervosa, e preocupada, pode ter uma reação negativa e, pode atrair para si mesma discórdia e desarmonia. Mas, se está com raiva, ela se prejudica muito e também tem o desejo de que o outro sofra.

Existe também o tipo passivo-agressivo que engole o desaforo e se distancia. Camufla a raiva e diz que está tudo bem. Essa submissão, porém, irrita ainda mais o outro. Por isso, depois dos momentos de conflito, é preciso se posicionar e buscar um entendimento.

Saiba lidar com a raiva  

Para lidar com a raiva é importante reconhecer o que não está certo dentro de nós e em nossas atitudes. Em vez de ficarmos presos ao problema e reclamando, nós nos propormos a mudar. Cada dia um pouco mais para melhor.

Enquanto não conseguirmos dissolver nossa raiva ou irritação, devemos pelo menos não criar mais problema para os outros. Cada palavra ou gesto em momentos de tensão podem criar brigas e fortes discussões que podem ter consequências ruins. Podemos dizer palavras ofensivas e violentas que vamos nos arrepender no futuro.
Mesmo quando a mais sutil dessas emoções negativas começarem a surgir, não devemos ignorá-las, pois podem se tornar mais fortes a cada dia. Importante interrompê-las antes que criem raízes e nos envolvam e tirem nosso autocontrole.

O Yoga nos ensina a lei da ação e reação e que nosso corpo e nossa vida atual foram criados pelas palavras, pensamentos e ações do passado e nossa felicidade ou sofrimento no futuro depende de nós.

Como diz um ditado: ”Se quiser saber o seu passado, examine seu corpo agora; se quiser saber o que vai lhe acontecer no futuro, observe o que sua mente está fazendo agora”.

Para adquirir as virtudes como respeito, compreensão, tolerância, paciência, compaixão, cultive-as diariamente. Abra seu coração para ajudar e sentir amor e bondade no seu dia a dia. Além de se libertar da escravidão dessas emoções negativas e do egoísmo, você vai sentir serenidade, alegria e leveza de espírito.

Namaste! Deus em mim saúda e agradece Deus em você! Fique em paz!


É formada em Yoga pela Federação de Yoga do Brasil e Centro de Estudos de Yoga Narayana/S.P, com aperfeiçoamento em Hatha Yoga e Meditação nos Estados Unidos. É professora de Hatha Yoga em Santos (SP), desde 1989. Atualmente ensina Filosofia do Yoga e Meditação.

O que você achou do novo Vya Estelar?