imagem de capa

Comportamento

Família

Quando saberemos se somos ou fomos bons pais?

Criar filhos é uma tarefa desafiadora

Por Blenda de Oliveira

É gratificante quando os filhos superam seus pais. Fazem melhor, fazem mais e são pessoas   que a vida tem o maior prazer de tê-los.   

Pois é, criar filhos é uma tarefa desafiadora, (exaustiva inúmeras vezes), cheia de bons momentos e altamente complexa. Quando vejo jovens mães, tomando como referência modismos na criação dos filhos me pergunto: será que possuem noção do caminho que terão que trilhar?

Quando saberemos se somos ou fomos bons pais?

Ah, talvez, quando nossos filhos forem adultos e, quem sabe, nos dê um retorno. Sim, sempre carregaremos dúvidas, seremos tomados por antagonismos, sofreremos por nossos rebentos, torceremos, nos emocionaremos. Eita, desafio profundo é nos tornarmos pais!

É tão além do tipo de parto, da amamentação, do tipo de educação que esteja na moda. Tão além! Entretanto, o mais importante de tudo é criar pessoas empáticas, conscientes e que tenham os dois pés na realidade. O melhor resultado? Que tenham liberdade de trilharem caminhos não percorridos por nós pais, se forem os melhores para eles. Que nos superem, sem qualquer dívida e possam se diferenciar de nós, pais. Que possamos olhar para cada filho e celebrar as pessoas que vão se tornando!

 


Doutora em psicologia clínica pela PUC-SP. Psicanalista pela Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo (SBPSP). Psicoterapeuta de adultos, adolescentes, crianças, famílias e casais. Atuante como Life Coaching em diversas áreas, utilizando essa metodologia para colaborar nos processos de sucessão familiar nas empresas.

O que você achou do novo Vya Estelar?