imagem de capa

Como foi construída sua autoimagem?

Você possui uma autoimagem positiva ou negativa?

Por Elisa Guerra

Autoimagem é a imagem que temos sobre nós mesmos. Ela se desenvolve a partir das nossas primeiras relações e reações que os adultos transferem a nós sobre os nossos comportamentos e modos de ser na infância. Isso acontece porque a criança ainda não possui desenvolvida a capacidade de autoavaliação, precisando dos adultos para se compreender. De acordo com essas experiências vai construindo um quadro mental a respeito de si mesma, delimitado por uma imagem positiva ou negativa.
Estabelece um autoconceito a respeito de suas capacidades, personalidade e aptidões; sendo natural que de acordo com essa visão recorra ao que julga adequado a essa imagem, descartando tudo o que estiver inadequado. Portanto a autoimagem acaba sendo fator determinante aos nossos comportamentos e escolhas.

Eu real e eu ideal

A autoimagem também pode ser compreendida a partir do nosso “eu real” e “eu ideal”. O eu real são as nossas capacidades e potenciais. E o eu ideal é aquele que gostaríamos de ser, sendo  definido em torno dos valores que internalizamos, das pessoas que admiramos e dos atributos que almejamos.

Nem sempre conseguimos ter clareza a respeito de nós mesmos e acabamos negligenciando nossas falhas e incapacidades ou idealizando em torno de expectativas, paralisando nosso processo de desenvolvimento e engessando a nossa imagem, seja em torno do que acreditamos ser ou do que achamos que o outro espera de nós.

Quando possuímos uma visão clara a respeito dos nossos atributos, de acordo com o que de fato experienciamos, e nos desenvolvemos buscando o que gostaríamos de ser, conseguimos equilibrar esses dois conceitos de eu e desenvolver a nossa imagem de maneira autêntica.

O processo de aceitação de si, enquanto um ser com falhas e  imperfeições, além da percepção do que gostaríamos de desenvolver possibilita a flexibilização dessa imagem, o desenvolvimento de um novo projeto de vida, com novas escolhas, maior autoestima e uma imagem fortalecida.

Fonte: Elisa Guerra é graduada em Psicologia pela FMU e especialista em Psicanálise e Saúde pelo Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein.

 


Ângelo Medina é editor-chefe do portal Vya Estelar. É jornalista e ghost writer. Com 30 anos de experiência, iniciou sua carreira na cobertura das eleições à Prefeitura de São Paulo em 1988 (Jornal da Cultura). Trabalhou no Caderno 2 - O Estado de São Paulo, Revista Quatro Rodas (Abril). Colaborou em diversas publicações e foi assessor de imprensa no setor público e privado. Concebeu o site Vya Estelar em 1999. É formado em Comunicação Social pela UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora.

Existe reciprocidade no seu relacionamento amoroso?