imagem de capa

Autoconhecimento

Minhas Atitudes

Aprenda a controlar a ansiedade e entenda sua relação com a insegurança

Para diminuir a ansiedade: exercícios de respiração, yoga ou meditação

01 jan, 2016

por Rosemeire Zago

Resposta: Existe relação entre ansiedade e insegurança. Segundo a Associação Americana de Psiquiatria a ansiedade se caracteriza por uma preocupação excessiva com situações triviais do dia-a-dia, causando muitos transtornos. É um estado afetivo caracterizado por um sentimento de insegurança; é um desejo ardente, uma aflição, uma incerteza quanto ao amanhã. É a sensação, às vezes vaga, de que algo desagradável está para acontecer. Quando nos preocupamos excessivamente se algo que esperamos vai ou não acontecer, é porque de alguma forma estamos inseguros. Nestes casos, é importante buscar a origem da insegurança.

É possível aprender a domar a ansiedade?

Resposta: Sim, apesar de que muitas pessoas já têm como característica serem ansiosas. Podemos controlar a ansiedade na medida que conseguimos identificar seus sintomas e suas causas.

Os sintomas mais frequentes são:

Sintomas psíquicos


- nervosismo
- distração
- dificuldade de concentração
- sensação de estar "no limite"
- inquietude
- irritabilidade
- apreensão
- sensação de alerta e tensão
- insatisfação com o presente
- impaciência
- vontade de agir
- cansaço e desânimo (que podem levar a depressão)
- insônia

Sintomas físicos

- agitação e tremores
- sudorese
- boca seca
- palpitações
- tensão muscular
- sensação de "aperto" no peito
- vertigens e tonturas
- náuseas
- constipação intestinal ou diarreia
- necessidade frequente de urinar
- dor de cabeça
- sensação de frio na "boca do estômago"
- sensação de "bolo" na garganta, com ou sem dificuldade de engolir

Para diminuir a ansiedade é indicado exercícios de respiração, yoga ou meditação, que são técnicas que ajudam muito. Mas caso isso seja difícil de conseguir sozinho, o mais indicado é buscar auxilio de um psiquiatra que poderá prescrever uma medicação alopata ou homeopata ou um psicólogo para buscar a origem de sua ansiedade.

Quais são as principais causas da ansiedade?

Resposta: Vivemos em uma época em que tudo que acontece ao nosso redor, no mundo, de alguma forma colabora para que nos tornemos ansiosos.

Os problemas não se resolvem porque as pessoas tratam apenas os sintomas físicos provocados pela ansiedade, quando, na realidade, é preciso tratar as causas da ansiedade.

Causas mais comuns

- preocupação excessiva
- medo - de críticas, de errar, não agradar
- dificuldade em dizer não para não magoar outra pessoa
- crenças negativas
- perfeccionismo


Psicóloga com abordagem junguiana com especialização em psicossomática. Desenvolve uma abordagem voltada para o autoconhecimento e criança interior.

O que você achou do novo Vya Estelar?