imagem de capa

Saúde e Bem-estar

Beleza e Corpo

Como cuidar da pele muito oleosa?

Limpe a pele com suavidade e evite o superdesengorduramento

18 maio, 2017

por Sônia Corazza

Você sabia que devido à nossa formação étnica-genética, nossos hábitos e atitudes e condições climáticas, nós, brasileiros, temos a pele preponderantemente oleosa?

E como cuidar? O que fazer para não ficar  com o aspecto brilhoso e sujo logo depois de algumas horas após o banho?

Hoje, enxergo o controle da oleosidade como uma plataforma a ser trabalhada por diferentes estratégias de ação, em etapas subsequentes como vou descrever aqui:

Falando do ritual de cuidados, o primeiro passo para tratar da pele oleosa, é limpar com suavidade e inteligência, evitando o superdesengorduramento que pode causar um efeito rebote. Ao ler a embalagem do seu produto cosmético, é fundamental escolher agentes tensoativos suaves, que contenham a associação dos seguintes ingredientes: Sodium Cocoyl Glutamate e Disodium Cocoyl Glutamate.

 Depois seguem-se essas etapas, com as seguintes funções:

1 - Ação detoxificante, doada por ativos diversos como os oligosacarídeos biotecnologicamente obtidas por ação enzimática a partir das algas marrons, que purificam a pele e a preparam para um cuidado mais profundo.

2 - Ação sebo reguladora, onde são elencados ativos que conseguem controlar e equilibrar a produção de gordura na glândula sebácea. Assim age o ácido salicílico vetorado em silício orgânico,  para conseguir permear a pele e chegar até o centro de produção de gordura, cujo nome químico é "Dimethylsilanediol salicylate"
 
2 - Ação antioxidante, para evitar a rancificação da gordura produzida e também pela ação anti-inflamatória, como exemplo cito o “Disodium Lauriminodipropionate Tocopheryl Phosphate”, uma evolução da vitamina E

3 - Ação refrescante/calmante, doada por ativos extraídos de algas marinhos, como é o caso das frações ativas da alga “Crithmum maritimum”  
 
A proteção solar deve ser realizada com protetores que contenham em sua embalagem as seguintes propriedades: microemulsões ultraleves, à base de óxido de zinco combinado com fitofotoprotetores multifuncionais, como os derivados de café verde.

É isso!

 


É engenheira química especializada em Cosmetologia. Tem 25 anos de experiência como formuladora de cosméticos. Atuou em empresas líderes no setor. É autora do livro Beleza Inteligente (Madras). Mais informações: www.belezainteligente.com.br

O que você achou do novo Vya Estelar?